segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Canta e Dança Mulher

Lembra mulher de quando teus pés
descalços pisavam na terra molhada,
depois da tempestade tão esperada...
Recorda quando teus ouvidos sabiam compreender
as mensagens que o vento
assoprava para o teu espírito...
Inspira fundo e sente o aroma daquela
época onde viveste próxima aos frutos e
às flores e tudo acontecia em tempo certo,
sem apressamentos...
Compreende que teu corpo e tua alma
obedeciam à voz da Grande Mãe, e tua
vida fluía plena de sabedoria, pois tu
representavas a Deusa, o sagrado
feminino, e de ti resplandecia toda a
generosidade...
Recorda que conhecias bem os mistérios
da lua, tua irmã, e te guiavas por
instintos e intuições, sonhavas com as
respostas e cheia de confiança em teu
coração guiava a tua vida e de tantos
outros por caminhos seguros...
Tua natureza, sempre disposta a dar vida
e dela cuidar, ligada por estreitos laços
aos ritmos e ciclos do universo, sabia
cantar e dançar, e assim espalhava
alegria pelo norte, pelo sul, pelo leste e
pelo oeste, sem perder o teu centro...
Rosa dos ventos e dos tempos, hoje
estás novamente aqui, mas não te
esqueça jamais de continuar a cumprir o
teu sagrado papel...
O Universo ainda carece do teu feminino...
Ah! Então canta e dança e o destino dos homens se cumprirá!
Autoria Desconhecida.

Um comentário:

Magister Todesurteil disse...

Em outras palavras o texto quer dizer: As mulheres são lindas, carinhosas, gostosas, cheirosas e espero que um dia fiquemos sem essas coisas peludas chamadas homens, neah?

Ah Pripa, tou com saudades de tu ='[